As vinícolas que valem um Oscar

Tendência no mundo dos vinhos, é cada vez maior o número de celebridades que tornam-se proprietárias de vinícolas.

Pinot Noir

Não é um fenômeno apenas recente. Embora essa tendência chame mais atenção nos tempos da internet, na Grécia antiga e nos tempos de Roma antiga filósofos famosos, escritores, autores, políticos e generais frequentemente possuíam vinhedos para seu uso e consumo pessoais. Na atualidade, celebridades acumulam riqueza suficiente para adquirirem caríssimos vinhedos e vinícolas. Essa é uma das verdades por trás dessa paixão.

Possuir essas propriedades, como em qualquer outro business, pode oferecer benefícios fiscais em alguns países. Em outros casos, pode ser entusiasmo e encarado como um desafio em termos de negócio, mas pode ser simplesmente uma questão de poder ter. Não podemos negar, porém, o forte fator mercadológico envolvido: glamour e sofisticação. Citamos o exemplo da família de produtores de vinho Perrin que fizeram uma parceria em 2013 com o casal Brad Pitt e Angelina Jolie, para o lançamento de seu vinho rosé, o Miraval.

Celebridades que decidem ter a sua marca própria fazem questão de produzir um vinho de qualidade para proteger e prestigiar seu nome, e conseguem realmente obter produtos de excelência com uma equipe de enólogos e agrônomos competentes. Em contrapartida, o outro lado da moeda é que, com o crescimento dessa tendência, esses vinhos produzidos e “marketeados” como vinhos de celebridades custam em média 30% a mais por garrafa. É o preço da fama – neste caso, pago pelo consumidor.

Embora os casos mais vistosos sejam mais ou menos atuais, como o citado rosé Miraval do casal Pitt-Jolie, algumas personalidades têm produzido e vendido seus vinhos há mais de 30 anos. É o caso do ator Gérard Depardieu e do diretor Francis Ford Coppola. Embora tais iniciativas tenham lhes custado a milhões de dólares em investimentos, eles desenvolveram e prosperaram em seus negócios, com a vantagem de alavancagem inicial da fama.

Coppola já era um enófilo quando teve, inicialmente, a intenção de adquirir uma casa para as férias de verão no Vale de Napa (Califórnia), onde imaginou produzir vinhos apenas para sua família e seus amigos. Ao invés de Napa, ele acabou adquirindo uma propriedade de 670 hectares com vinhedos em Inglenook, uma das melhores localizações da região e com uma história fascinante de produção de vinhos. Nos últimos 40 anos, Coppola investiu mais de 45 milhões de dólares, fazendo com que Inglenook se tornasse uma vinícola famosa, produzindo um dos melhores vinhos com a marca Coppola.

Depardieu, por sua vez, além do sucesso de seus vinhos, é um apaixonado por eles. Ele mesmo se descreve como um “vigneron”, produtor de vinhos, no seu passaporte francês. O ator adquiriu seu primeiro vinhedo em 1979, na célebre sub-região de Nuits-Saint-Georges, na Borgonha. Seus demais vinhedos estão localizados, desde a França, Espanha, até Itália e Argentina. Seu business é muito lucrativo e, além disso, em 2001, Depardieu colaborou em parceria com o produtor de vinhos Bernard Magrez na criação e no desenvolvimento de outros vinhos com a marca que leva seu nome. Ele mesmo cita: “O vinho tem uma alma. Se trata de amizade e compartilhar simples prazeres. Eu posso estar feliz com pouco na terra, mas tenho que ter uma taça de vinho bem cheia”.

Além do glamour e dos cenários luxuosos do vinho, investir no setor tem se tornado um ramo para quem deseja se aposentar. Um negócio para sonhadores. Isso porque o preço das terras e dos vinhedos tem se valorizado substancialmente em várias regiões da França, da Itália e de muitos outros países.

Mas nem todas as celebridades encaram esse investimento do ponto de vista de negócio. Em 2008, o jogador de futebol David Beckham adquiriu um vinhedo na Califórnia e presenteou sua esposa Victoria. Ela, por sua vez, criou seu próprio vinho, com o qual ocasionalmente presenteia sua família e seus amigos. O também ator Antonio Banderas sempre quis ser proprietário de um vinhedo em Napa, mas, mesmo tentando adquirir um, não conseguiu por vários anos. Imediatamente após ter visitado seu país natal, a Espanha, na cidade de Anta, ele percebeu grande potencial naquelas terras e se apaixonou pelo lugar. Foi ali que adquiriu e iniciou a produção de seus vinhos na vinícola Bodega Anta Banderas.

Aqui na Itália, pude conhecer, visitar e degustar pessoalmente em duas vinícolas de propriedade de celebridades. Uma delas é a vinícola do músico Sting, na Toscana, a maravilhosa Tenuta del Palagio com seus 100 hectares e 80% de produção de vinhos denominados Chianti Classico. Sting e sua esposa, Trudy, adquiriram a propriedade em 1999, após se apaixonarem pelo lugar. Lá, estabeleceram sua residência de verão e, posteriormente, iniciaram a produção de vinhos, azeites e mel. Em 2016, seu vinho Sister Moon fez parte da lista dos 101 melhores vinhos classificados pela crítica da revista Wine Spectator, no evento Opera Wine de Verona.

Não menos prestigiosa é a vinícola de propriedade de Renzo Rosso, famoso no mundo da moda por sua marca, a Diesel, mas que hoje em dia é uma entre outras marcas de seu império. Rosso adquiriu a Diesel Farm em 1993, com 100 hectares, nas colinas de Marostica, praticamente na terra de sua origem, no Vêneto. Ele define sua decisão desta forma: “Na minha vida, sempre cultivei várias paixões, sonhos e desejos, e jamais esqueci a terra, a minha terra.

Quando estou em meus vinhedos e oliveiras, volto no tempo, o tempo da minha infância e aquilo que meu pai me ensinou. Minhas mãos, além de trabalhar com os tecidos (moda), trabalham com a terra. É a mesma paixão”. A Diesel Farm produz apenas 13 mil garrafas anuais, suficiente para expressar sua paixão e vontade de investir na terra. Certamente, além de paixão, Renzo tem o business na sua genética.

Paixão, hobby, glamour ou negócios… Sejamos sinceros: nada mal encontrar celebridades prestigiando, incentivando e investindo no mágico mundo do vinho! Afinal, se trata também do belo, da arte e do prazer.

Cheers e até a próxima!

PATRICIA KOZMANN: brasileira radicada em Verona, é consultora de viagens e eventos exclusivos na Itália. Envolvida com atividades no mundo da hospitalidade e turismo, vinho e gastronomia italianos (www.kozmann.com / www.veronalovetours.com)

Receba mais conteúdo por e-mail

Veja mais sobre

Posts relacionados