Lenkerhof

Em busca de um lugar incomum onde eu pudesse realmente me desconectar da correria caótica de São Paulo e me reconectar comigo mesma, encontrei esse pedaço de paraíso.
por Helena Mendonça

A cerca de três horas de Zurique, perto da bela região de Interlaken, meu destino final é o vilarejo de Lenk, lugar que atrai cada vez mais turistas.

Minha viagem começa pegando o trem da estação principal de Zurique e a jornada por si só já é um verdadeiro passeio. No caminho a paisagem de montanhas, rios, picos nevados, chalés de madeira e vaquinhas com seus sinos pastando nos campos verdejantes já nos transportam a outra atmosfera. Aqui, o tempo parece passar mais devagar e o stress não tem lugar.

Em meu destino, me instalei no hotel Lenkerhof Gourmet & Spa Resort, um hotel escondido entre as belíssimas paisagens da região de Lenk.

Destino certo para quem quer busca bem-estar, no Lenkerhof tive a oportunidade de experimentar o excelente SPA, com diferentes tratamentos e distintos estilos de saunas e águas termais. Aliás, eu descobri que esse hotel foi construído propositalmente no local de uma fonte de águas que tem origem nos glaciares das montanhas, ricas em propriedades sulfúricas e benéficas para a saúde.

Localizado em um vale privilegiado e rodeado por montanhas de picos nevados, cachoeiras e uma natureza vibrante quase intocada, o local tem cenários encantadores. Uma das minhas melhores experiências foi na gastronomia, um dos maiores atrativos do local.

Jantei em dois restaurantes, o primeiro com influência mediterrânea o Oh de Vie, onde desfrutei de pratos com ingredientes frescos e sazonais, harmonizados com vinhos europeus. Já no segundo, tive a oportunidade de participar de um verdadeiro festival de sabores no restaurante Spettacolo. A alta gastronomia e menu degustação de 16 etapas, elaborado com sofisticação e talento do chef Stefan Lünse, surpreenderam e com certeza poderia afirmar que agradaria os visitantes gourmets mais exigentes. Toques asiáticos se destacavam em um menu sofisticado de alta culinária internacional. Um detalhe pitoresco que acontece é que o menu muda todos os dias, ou seja, a criatividade e inovação são palavras chave. Para complementar, uma harmonização muito  bem feita dos pratos, em uma carta de vinhos que recentemente foi considerada uma das melhores da Suíça.

Escolhi fazer esse “retreat” todo, pois era meu aniversário e neste dia, eu e mais três amigos fomos fazer uma caminhada pelas montanhas e lagos há cerca de uma hora de carro de Lenk, num lugar chamado Oberstocken. Pegamos um teleférico e a vista era nada menos que deslumbrante. Na caminhada, o que chamava a atenção eram os lagos, alguns de cor verde água e outros ainda congelados, que deixavam o cenário ainda mais bonito. Paramos para um piquenique e para saborear cervejas locais ao ar livre e apreciando a vista.

Passei meu aniversário vendo o por-do-sol no restaurante Bühlberg, um típico suíço localizado no topo de uma bela montanha, a cerca de 15 minutos do hotel, onde as belas vistas, um foundue e a companhia de pessoas queridas dividindo essa experiência ao ar livre foram meu melhor presente.

Acabei tendo, nesses dias, não só um destino acertado, mas também tempo de relaxar e aproveitar o melhor da Suíça numa experiência super autêntica e fora do convencional.

Receba mais conteúdo por e-mail

Veja mais sobre

Posts relacionados